terça-feira, 8 de julho de 2008

DESRAZÃO DE UM SEGUNDO


Nossa, às vezes dormir é muito difícil.
Dormir é desligar, mas desligar significa não ter controle sobre a mente.
De repente o que me angustia e que prendo durante todo o dia pode se soltar durante meu sono... crescer.... e me engolir.
Medo da aniquilação.
Mas antes do medo eu tenho medo.
Tenho medo de ter medo.
O medo me paralisa.
Não consigo fazer o que quero.
Quero respirar.
Medo da aniquilação.
Ele prende meu pescoço.
Não consigo respirar.
Eu grito.......
Eu sou alguém! Eu sou alguééééééém!

{- Quem tá te ouvindo?
- Não sei. Não tô vendo. Eu cobri meu rosto.
- Então tira a mão do rosto.
- Não!
- Por quê?
- Tenho medo.
- Medo de quê?
- De ver.
- Se não tirar a mão do rosto, não poderá ver. Sabe, eu acho que vc é desligada! Parece que dorme o dia todo!
- Como posso estar dormindo???? Não posso dormir! Posso ser engolida enquanto durmo.
- Mas parece que está dormindo!!!
- Hummmm..... Se “parece” que estou dormindo e nem fui engolida.... então de que me serve o medo????}

Sem lugar, sem encaixe, sem definição, sem explicação, sem afagos.......
Tamanha inadequação!!!!
Parece que estou trancada por dentro, e jogaram a chave fora.
Definitivamente não existe passado.
Foi agora!
O passado é sempre presente quando o trazemos conosco.
Pulsão de morte. Repetição, repetição, repetição.
Re-petição – ato de repetir a petição.
- Minha petição?
- Me ouça!!!!!!!! Eu sou alguééééééém!

2 comentários:

Alice disse...

Vc é alguém?!

Então me diga quem é... se vc titubear por alguns segundos e não souber a resposta sobre quem é, ou se tudo o que vier a sua mente não responder exatamente as suas expectatias sobre si... não cobre das pessoas que elas saibam que vc é alguém.. heim?! hã?! o que !!!!!!

Alice disse...

Sou eu na foto sim benhê rsrsrsrs

e não é uma faixa né, é uma boina kkkkkkkkk